Compartilhe no Google+ e Twitter

9 de set de 2010

Piada de dois rapazes caipiras e uma cobra

Certo dia, dois rapazes que moravam na roça entraram na mata para caçar.

Andaram agachados algum tempo.



Depois, rastejaram.

Só que, de repente um eles gritou:
- Ai!

- Que foi? - perguntou o outro.

- Uma cobra, cara. Ela me mordeu.

- Em que lugar?

- Bem na cabeça do meu pinto! Desgraçada!

- Ih, cara! Que é que a gente vai fazer agora?

- Vai depressa lá na cidade! E chama o dotô.

O outro saiu dali correndo. Foi depressa chamar o médico.

O médico, por sua vez, lhe perguntou:

- Você tem dentes bons? Isto é, sem cáries?

- Tenho seu dotô, por quê?

- Porque preciso deles, enquanto não chego lá.

- Você faz assim: Volta aonde está seu amigo, bem depressa. Coloque a boca no no lugar em que a cobra picou ele e suga todo o sangue com força. Depois gospe e limpe sua boa. Vai, faz isso, que daqui a pouco eu chegou lá.

- Mas, dotô!...

- Nada de as, meu jovem. Vai lá e faça isso. Nada vai acontecer a você nem ao seu amigo. Anda. Vai logo! Não temos tempo a perder. Só vou atender um paciente, depois corro para lá.

O rapaz voltou para a roça.

O outro lhe perguntou:

- E aí, que foi que o dotô falou procê?

- Ele falou assim... Que é pra... Ele falou que ocê vai morrer.

Eita!

0 comentários:

Postar um comentário

Compartilhe no Google+ e Twitter

Design e Ilustração por: ChucK Templates