Compartilhe no Google+ e Twitter

20 de ago de 2011

O Velhinho da Bengala e o Rapaz Ingênuo

História do Velhinho da bengala que queria ganhar um dinheiro rápido e o Rapaz ingênuo

velhinho-bengala-rapaz-ingênuo




Num país muito distante daqui, e num tempo muito remoto, aconteceu certo dia de um velhinho andar na rua ao toc-toc de sua bengala, quando encontra um jovem bem-vestido demonstrando ser filho de uma família rica, que vinha caminhando em passos largos na direção dele. Além da roupa elegante, o rapaz exalava um perfume que penetrava as narinas com suavidade.

O velhinho se alegrou.

- Ora, ora! Com quem eu me encontro? Com um jovem bonito e robusto, deve ser herdeiro de uma família aristocrática.

O jovem sorriu por se sentir elogiado. Mas ficou surpreso ao ouvir o velhinho dizer:

- Pois hoje cedo, logo que acordei, prometi a mim mesmo que o primeiro rapaz bonito e forte que encontrasse teria de bater em mim com esta bengala (mostra a bengala), umas dez vezes.

- O senhor está louco? Bater no senhor, por quê? Não me fez nada!

- É promessa, meu jovem. Você ainda não tem idade para saber o que é promessa. Mas um dia terá. Pois se der umas dez bengaladas em mim, terei força para continuar o dia e muita sorte para ganhar dinheiro.

velhinho-bengala-rapaz-bonito


O rapaz caiu que nem patinho na conversa fiada dele.

- Ah, mesmo que eu aceitasse, não ia bater dez vezes. É muita coisa, vô.

- Nove vezes, então – sorriu o velhinho, contente por ter atingido o alvo.

- Seis vezes – determinou o rapaz.

- Está bem – o velho concordou.

Entregou a bengala ao moço e mostrou a costa para ele bater.

O rapaz bateu uma, duas vezes. O velho gritou alto, e o povo se aproximou revoltado.

- Imagine! A audácia desse moço! Bater num velho indefeso!

Chamaram a polícia. O rapaz foi levado para a delegacia. Os pais dele chamados.

Para encurtar a história, os pais pagaram uma considerável quantia ao velho a título de indenização, para que ele retirasse a queixa e livrasse o filho deles da cadeia.

Pois foi, sim! Assim foi!

Gostou da historinha do blog Conta Outra? Conta outra, vai!

Image: graur codrin / FreeDigitalPhotos.net

Image: Idea go / FreeDigitalPhotos.net

0 comentários:

Postar um comentário

Compartilhe no Google+ e Twitter

Design e Ilustração por: ChucK Templates